AMIGOS CURTAM ESSE BLOG!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

SEGUIDORES ABENÇOADOS..

224
Assinantes
270
Fãs
186
Fãs
609
Seguidor

Artigos

Comentou
Google+

QUESTIONÁRIO DOUTRINAS 06 - O SENHOR JESUS CRISTO - Part 02.

sábado, 23 de junho de 2012


QUESTIONÁRIO.

PARTE 2ª FINAL

17. QUE SIGNIFICA O TÍTULO, “CRISTO”?
R: “Cristo” é a forma grega da palavra hebraica “Messias”, que literalmente significa “o ungido”. A palavra é sugerida pelo costume de ungir com óleo como símbolo da consagração divina para servir.

18. DEMONSTRE COMO AS PROFECIAS RELATIVAS AO MESSIAS FORAM CUMPRIDAS EM JESUS.
R: ...É o testemunho constante do Novo Testamento que Jesus declarou-Se o Messias, ou Cristo, prometido no Velho Testamento. Jesus Cristo foi eternamente eleito para ser o Messias e Cristo. Deus o Pai ungiu a Seu Filho com o Espírito de poder e sussurrou no Seu ouvido o significado da Sua unção: - “Tu és o meu Filho amado em quem me comprazo.” Mc 1:11. Vide Mt 4:3,4; Jo 6:14,15,26.

19. DESCREVER A ESPERANÇA MESSIÂNICA DOS JUDEUS E COMO JESUS SE COMPORTOU EM RELAÇÃO A ELA.
R: As pessoas entre as quais Jesus teria de ministrar esperavam a vinda do Messias, porém infelizmente suas esperanças eram coloridas por uma aspiração política. Eles esperavam um “homem forte”, que fosse uma combinação de soldado e estadista. Jesus sabia que Satanás estava advogando a política popular, a qual era inspirada pelo próprio espírito egoísta e violento. Seria Jesus esse tipo de Messias? Não! Jesus seguiria a direção do Seu Pai e confiaria somente nas armas espirituais para conquistar os corações dos homens, apesar de que a sendo o conduziria a falta de compreensão, ao sofrimento, e a morte.

20. DÊ AMPLA DEFINIÇÃO DO TÍTULO, “MESSIAS”. EXPLIQUE PORQUE O MESSIAS TERIA DE MORRER.
R: Messias, a saber, Aquele a Quem Deus autorizou para salvar a Israel e as nações do pecado e da morte, e para governar sobre eles como Senhor de suas vidas e Mestre. O Messias teria de morrer porque era o plano de Deus para redenção dos homens. A cruz era a parte do programa de Deus para o Messias. “Desde então começou Jesus a mostrar aos seus discípulos que convinha ir a Jerusalém, e padecer muitas coisas dos anciãos, e dos principais dos sacerdotes, e dos escribas, e ser morto, e ressuscitar ao terceiro dia”. Mt 16:21.

21. QUE SIGNIFICA O TÍTULO, “FILHO DE DAVI”?
R: Esse título é equivalente a “Messias”, pois uma qualidade importante do Messias era Sua descendência davídica.

22. EM QUE SENTIDO ERA JESUS O “SENHOR” DE DAVI E AO MESMO TEMPO O SEU “FILHO”?
R: O Messias é tanto é tanto Senhor, como filho de Davi. Pelo nascimento virginal, Jesus nasceu de Deus e também de Maria; Ele era desse modo o filho de Deus e Filho do homem. Como Filho de Deus Ele é Senhor de Davi; como filho de Maria Ele é filho de Davi por descendência.

23. EXPLICAR O TÍTULO, “PAI ETERNO”.
R: Significa imortal, divino, imutável.

24. QUE SIGNIFICA O NOME, “JESUS”?
R: Salvador. “E dará à luz um filho e chamarás o seu nome JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados”. Mt 1:21.

25. QUAIS SÃO OS TRÊS OFÍCIOS DE CRISTO?
R: Profeta, Sacerdote e Rei.

26. FAÇA UM COMENTÁRIO COM RESPEITO AO MINISTÉRIO DE CRISTO COMO PROFETA.
R: O profeta do Velho Testamento era o representante ou agente de Deus na terra, que revelava Sua vontade com relação ao presente e ao futuro. Jesus como profeta pregou a Salvação, anunciou o Reino, predisse o Futuro. Os profetas de Israel quando a nação estava em perigo eram convocados e mostravam o caminho para sair das dificuldades, dizendo “Este é o caminho, andai nele”. Jesus como profeta não só mostrou como também abriu o caminho da salvação por Sua morte na cruz.

27. FAÇA UM COMENTÁRIO DO MINISTÉRIO DE CRISTO COMO SACERDOTE.
R: Sacerdote, no sentido bíblico, é uma pessoa divinamente consagrada para representar o homem diante de Deus e para oferecer sacrifícios que assegurarão o favor divino, Hb 8:3. No calvário, Cristo, o Sacerdote, Se ofereceu a Si mesmo, o sacrifício, para assegurar o perdão do homem e sua aceitação diante de Deus. Sua vida anterior a este acontecimento foi uma preparação para Sua obra sacerdotal.

28. FAÇA UM COMENTÁRIO DO MINISTÉRIO DE CRISTO COMO REI.
R: O plano de Deus para o Governante perfeito foi o de que ambos os ofícios fossem investidos na mesma pessoa. Os escritores inspirados falaram da vinda de um que era digno de exercer este cargo. Esse era o Messias esperado, um Governante e Sacerdote, segundo a ordem de Melquizedeque, Sl 110:1-4, e um “sacerdote no seu trono”, Zc 6:13. Tal é o Cristo glorificado. Vide Sl 110:1; Hb 10:13. Jesus afirmou ser Rei Jo 18:36,37; antes da sua morte. Predisse Sua vinda com poder e majestade para julgar as nações, Mt 25:31. Cristo regressará ao mundo e recompensará o Seus servos, afirmará a Sua soberania sobre o mundo, e punira os ímpios, Ap 11:15; 12:10; 19:16.

29. QUAL FOI A OBRA SUPREMA QUE JESUS REALIZOU?
R: Cristo realizou muitas obras, porém a obra suprema que ele consumou foi a de morrer pelos pecados do mundo, Mt 1:21; Jo 1:29. Incluídas nessa obra expiatória, figuram a Sua morte, ressurreição, e ascenção. Não somente devia Ele morrer por nós, como também viver por nós. Não somente devia ressuscitar por nós, como também ascender para interceder por nós diante de Deus, Rm 8:34, 4:25; 5:10.

30. QUAL É A CARACTERÍSTICA ÚNICA DA RELIGIÃO CRISTÃ? QUE SIGNIFICA?
R: A morte expiatória de Cristo é o fato que caracteriza a religião cristã. Significa que existe o obstáculo do pecado, a culpa, e o homem não pode remover esse obstáculo, a libertação terá de vir da parte de Deus. Por isso Deus teria que tomar a iniciativa de salvar o homem. O testemunho das Escrituras é esse: que Deus assim fez: Ele enviou Seu Filho do céu a terra para remover esse obstáculo e dessa maneira reconciliou os homens com Deus. Ao morre por nossos pecados Jesus removeu a barreira, levou o que nós devíamos ter levado, realizou por nós mesmos; isso Ele fez porque era a vontade de Seu Pai. Essa é a essência da expiação de Cristo.

31. POR QUE A RESSURREIÇÃO DE CRISTO É IMPORTANTE PARA O CRISTIANISMO?
R: Porque é o grande milagre do cristianismo. Uma vez que estabelecemos a realidade desse evento, torna-se desnecessário procurar provar os demais milagres do evangelho.

32. QUE SIGNIFICADO TEM A RESSURREIÇÃO?
R: Ela significa que Jesus é tudo quanto Ele afirmou ser. – O Filho de Deus, Salvador, e Senhor, Rm 1:4. A resposta do mundo às revindicações de Jesus foi a cruz; a resposta de Deus, entretanto, foi – a ressurreição.

33. QUE SIGNIFICADO TEM A ASCENSÃO DE CRISTO?
R: Que Cristo é: O Cristo celestial; O Cristo exaltado; O Cristo soberano; O Cristo que prepara o caminho; O Cristo intercessor; O cristo onipresente.

34. EXPLICAR COMO CRISTO É O NOSSO MEDIADOR.
R: Em virtude de ter assumido a nossa natureza e ter morrido por nossos pecados, Jesus é o medidor entre Deus e os homens, 1ª Tm 2:5.

35. QUE TIPO DE PETIÇÃO FAZ JESUS A SEU PAI DURANTE O SEU MINISTÉRIO INTERCESSÓRIO?
R: Para livra do mal os que creram nEle e os que iriam crer e santifica-los na verdade que é a palavra de Deus. Jo 17.

36. MENCIONAR TRÊS CONSIDERAÇÕES QUE DÃO FORÇA À SUA ADVOCACIA.
R: Primeira, Ele está “com o Pai”, na presença de Deus.
Segunda, Ele é “o Justo”, e como tal, pode ser uma expiação por outrem.
Terceira, Ele é “a propiciação pelos nossos pecados”, isto é, um sacrifício que assegura o favor de Deus por efetuar expiação pelo pecado; 1ª Jo 2:1,2.

37. QUAIS SÃO OS VALORES PRÁTICOS DA DOUTRINA DA ASCENSÃO?
R: 1. O conhecimento interno do Cristo glorificado, a quem brevemente esperamos ver, é um incentivo à santidade, Cl 3:1-4.
2. O conhecimento da ascensão proporciona um conceito correto da igreja.
3. O conhecimento interno de Cristo glorificado produzirá uma atitude correta para com o mundo e as coisas do mundo.
4. A fé no Cristo glorificado inspirará um profundo sentimento de responsabilidade pessoal.
5. Junto à fé no Cristo glorificado temos a bendita e alegre esperança de Seu regresso. ”E se eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez.” Jo 14:3.


DEUS EM CRISTO JESUS VOS ABENÇOE.

0 Comments:

Postar um comentário

"Nem todos os pensamento que cremos são verdadeiros, mas nem por isso devemos deixar de pensar e expor nossas idéias".