JESUS, O NOSSO CRISTO, TE AMA!!!

RÁDIO EVANGÉLICA!!
   

BY BG

225
Fãs
541
Fãs

Artigos

Opiniões

LIKE MEU FACEBOOK!!

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

PROTESTANTISMO



Se denomina Protestantismo o conjunto de igrejas cristãs e doutrinas que se identificam com as teologias desenvolvidas no século XVI na Europa Ocidental, na tentativa de Reforma da Igreja Cristã Ocidental (Católica), por parte de um importante grupo de teólogos e clérigos, entre os que se destacam o monge agostiniano Martinho Lutero, de quem as igrejas luteranas tomam seu nome.
Porém, a maior parte dos cristãos europeus (especialmente na Europa meridional) não concordavam com as tentativas de reforma, o que produziu uma separação entre as emergentes igrejas reformadas e uma reformulada Igreja Católica Apostólica Romana, que reafirmou explícitamente todas aquelas doutrinas rechaçadas pelo protestantismo (Concílio de Trento).
Definição:
O termo protestante surgiu como apelido pejorativo para aquele grupo de príncipes eleitores e cidades imperiais alemãs que se atreveram a expressar seu protesto, o testemunho público de objeção, na Dieta de Speyer de 1529, contra o Édito de Worms que proibía crer e ensinar as doutrinas luteranas naquelas localidades do Sacro Império Romano-Germânico onde ainda não eram conhecidas, mas que entregava completa liberdade ao clero romano para rebatê-las e persegui-las naquelas localidades do império onde já havia sido implantado.



Ramos do Protestantismo:
Na Suíça de fala alemã, Ulrico Zuínglio, Johannes Oekolampad e outros começaram também uma tentativa de reforma da Igreja católica, de caráter mais urbano e enriquecida pelo humanismo de Erasmo.
João Calvino foi o dirigente desta "segunda geração" da Reforma protestante, chamada popularmente calvinista.
Esta corrente foi a mais dinâmica e internacional do Protestantismo entre os séculos XVI e XVII.
A Igreja da Inglaterra não se deixou influenciar num primeiro momento pelo protestantismo, mas depois de sua quebra com a Igreja de Roma, começou uma aproximação com os ideais reformados.
Atualmente as igrejas da Comunhão Anglicana se declaram claramente reformadas.
Fora desse protestantismo, que muitos estudiosos denominam "magisterial", surgiu outro ramo que se distinguiu tanto do catolicismo romano como das igrejas protestantes de caráter nacional.
Este ramo recebe o nome de Reforma Radical.
O historiador George Williams distingue as seguintes correntes dentro desta Reforma:
Espiritualistas, Racionalistas e Anabatistas.
Os anabatistas rechaçaram a união da igreja e estado e repudiaram o batismo infantil, constituindo-se em igrejas independentes ou segregadas.
A maior aportação à modernidade descansaria em sua persistente promoção da separação entre a igreja e o estado, a liberdade religiosa pessoal e o exercício de um governo plenamente democrático em suas congregações.
Alguns integrantes e representantes das igrejas batistas não se consideram integrantes do Protestantismo, pois asseguram que não surgiram de uma separação ou reforma da igreja católica, mas sim do desenvolvimento de grupos cristãos "primitivos".
Principais Ramos do Protestantismo:
Pré-Reforma
Valdenses
Hussitas
Reforma Luteranismo
Calvinismo
Igrejas Reformadas
Presbiterianismo
Congregacionalismo
Anglicanismo
Anabaptismo
Desenvolvimento Posterior
Batistas
Metodismo
Adventismo
Desenvolvimento Recente
Pentecostalismo
Pentecostalismo Tradicional
Deutero-Pentecostalismo
Neo-Pentecostalismo.


DEUS EM CRISTO JESUS VOS ABENÇOE.
Postar um comentário